10 abril 2010

O Melhor Chope de Porto Alegre é Artesanal!!!


Nesta semana saiu o resultado dos melhores endereços de Porto Alegre, segundo a revista Veja. Mais uma vez um chope artesanal é eleito o melhor da cidade (a Coruja já havia conquistado o mérito antes). Desta vez o prêmio foi para o Bier Markt, cujos proprietários dispensam apresentações! Para ler a reportagem, clique na imagem acima.

PARABÉNS, Pedro, Adolfo e Alaor! E viva a cerveja artesanal!!!

Se acontece em Porto Alegre, pode acontecer em outras capitais, certo???

12 comentários:

Deni disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Parabéns ao Pedro. O Bier Markt é um local muito bom e acolhedor. Estive em PoA em janeiro e fui conhecer a casa. Cheguei lá e me apresentei ao Pedro, como um leitor de seu blog. Ele fez questão de me apresentar o bar inteiro, me deu total atenção. Enfim, eu me minha esposa tivemos uma noite muito agradável

Abs,
Christiano Galvani

Copê Gourmet disse...

Parabéns Edu! Achei o blog super interessante uma vez que adoro cerveja!
Sucesso! Seguiremos você!

Edu Passarelli disse...

Christiano,

Ainda não fui ao Bier Markt (estive só nas obras), mas tenho certeza qe seu relato reflete a realidade!

Copê,

Será um prazer!

Abraços

Alexandre Bamberg disse...

Que maravilha, será que esta tendencia vai seguir em cidades como São Paulo e Campinas? Espero que sim.

Christiano Galvani disse...

Aqui no Rio temos um longo caminho a seguir. Não temos muitas opções de Chopp Artesanal. Infelizmente o Chopp Brahma domina.

Edu Passarelli disse...

Ale,

Acho que já está mais do que na hora. Se especialistas em gastronomia são tão críticos com outras bebidas, pq excluem a cerveja?

Christiano,

Torço para que isso mude logo! O Rio merece cervejas melhores!!!

Abraços

espressa-mente! disse...

Ciabatta para mim é um dos pães mais versáteis que existem! frescos sao imbatíveis com recheios cremosos e oleosos. Ja "duros" e torrados vao bem com qq coisa..principalmente com manteiga e azeite! Fora que ao torrar, basta embeber em frangelico e/ou cointreau e temos um cantuccini genérico mas delicioso! Inclusive já usei na base do tiramisu!

Silvana Cristina disse...

Muito bom o blog.

Heiko Grabolle disse...

Olá Edu,
parabéns pelo blog. É um tema que ganha cada ano mais respeito.
Vc já foi até Alemanha para provar as nossas relíquias?
Um grande abraço e sucesso com este blog.
Chef alemão Heiko Grabolle (SC)

http://www.heikograbolle.wordpress.com

Edu Passarelli disse...

Obrigado, Heiko!

Em março estive em Munique e em setembro devo ir a Bamberg.

Abraço

Edu Passarelli disse...

Silvana,

Muito obrigado!!!