12 novembro 2008

Medieval Blond Ale

Foto: Marcio Nel Cimatti


Cria do mestre cervejeiro Paulo Schiaveto, um dos maiores nomes da Cerveja no Brasil, a Medieval é uma blond ale, que será lançada pela cervejaria mineira Backer no inicio de 2009. Tive a oportunidade de degustá-la em chope durante o Minas Bier Fest, e depois disso ainda degustei o protótipo da versão engarrafada.

A cerveja já chama a atenção imediatamente pela bela apresentação, em uma garrafa similar as belgas, em preto fosco, fechamento com cera na tampa e o belo rótulo, tudo remetendo ao estilo medieval. O serviço da cerveja também deve ser diferenciado. A Backer irá instruir garçons e consumidores a derreter a cera com vela antes de abrir a tampa, criando um ritual que talvez seja exclusivo da Medieval em todo o mundo quando falamos de cervejas.

A cerveja é intensamente aromática, com notas doces provenientes do malte e álcool bastante equilibrado. É bem gostosa é fácil de beber.

Medieval Blond Ale
6,7% ABV

Aparência: Dourado escuro, espuma cremosa com boa formação e duração.
Aroma: Frutado intenso, leve picante, floral, malte e leve lúpulo.
Paladar: Doce de malte, leve picante, frutado, cítrico, leve doce residual.
Boa cerveja.

7 comentários:

Rodrigo disse...

Olá Edu,
Já estou com vontade de provar a Medieval.
Este fechamento da tampa com cera é espetacular. É um recurso utilizado por algumas microcervejarias americanas em suas cervejas sazonais ou de melhor qualidade, como no caso da cervejaria Three Floyds de Indiana e sua Dark Lord Imperial Stout que é tida como a segunda melhor do mundo no Ratebeer e no Beer advocate.
Só espero que o preço seja justo.
Não tem foto com o fechamento em cera Edu?

Abraços.

Rodrigo Campos
Fortaleza - Ce

Luis disse...

Que interessante !!!
Edu, gostaria de saber mais sobre essa cerveja e sobre o fechamento com cera na tampa.
A tampa utilizada é uma tampa comum com um lacre de cera?
Na foto ela parece estar sem tampa.
É usada cera de abelha, ou alguma cera sintética?
Essa cerveja é puro-malte ou leva algum ingrediente especial?
Esse estilo Blond Ale, também pode ser o Golden Ale, ou Canadian Ale?
Pois num guia de estilos de cerveja que eu tenho os 3 aparecem como sendo do mesmo tipo.Têm mesmo alguma coisa a ver?
Abraços,
Luis

Botto disse...

Sendo cria do Paulo, uma coisa é certa, a cerveja promete.
A apresentação tb está fantástica, e não vejo a hora de expeimentá-la.
abraço,
Botto

Paulo Schiaveto disse...

Procurei ser bem fiel ao estilo Belgian Blond Ale, focando os aromas da fermentação. Combinando 3 leveduras diferentes, conseguimos aromas que vão do condimentado ao frutado complexo. Os maltes tipo caramelo foram usados em quantidade tal que a cor ficasse bem dourada, com reflexos laranja, e aroma levemente adocicado. 3 tipos de lúpulo complementam a receita.
Seguindo a tradição de quase totalidade das belgas, leva um pequeno percentual de açúcar na receita.
Os próximos passos são ajustes finais menores, porém importantes no processo e na embalagem.
Espero que apreciem o resultado final, no ano que vem.

Abraço

Paulo

Flavio Rasseli disse...

Cerveja nota 10!
Já está entre minhas preferidas, mesmo tendo tomado só uma!!!

Parabéns Paulo!

Antônio disse...

Pra mim a Medieval é a melhor cerveja Brasileira, caiu muito bem no meu gosto por cerveja ALE, porém não é possível apreciá-la do jeito que gostaria, já que o seu preço é muito alto. A mais barata que encontrei saiu por R$ 8,29, mas para meu alívio, a cerveja Leffe Blond é tão boa ou superior a Medieval e já a encontrei por R$ 3,99, mas em BH eu consigo comprá-la por R$ 5,99, ou seja, a importada está mais barata que a fabricada em BH.

Edu Passarelli disse...

Antônio,

Os tributos brasileiros e principalmente o tamanho das microcervejarias ainda impactam muito no preço. Uma pena.

Abraço