05 setembro 2008

Westvleteren 6º

A Abadia Sint Sixtus, que produz as cervejas Westvleteren, é a menor e mais reclusa das abadias trappistas. Visitantes, por exemplo, não são bem vindos por lá. A Sint Sixtus foi fundada em 1831 e fica localizada no vilarejo de Westvleteren, Flanders, próxima aos campos de lúpulo de Poperige. A produção cervejeira começou sete anos depois da fundação. A restrita produção é de apenas 35 mil litros por ano.

No post onde comento a degustação da Westvleteren 8, conto a saga para conseguir comprar estas cervejas. Não é a troco de nada que são, talvez, as mais raras e cobiçadas cervejas do mundo.

Westvleteren 6º 5,8% ABV

Aparência: Amarelo ouro, turva, boa formação e duração de espuma.
Aroma: Malte, sementes de coentro, cítrico, lúpulo, herbal. Bastante complexo.
Paladar: Doce de malte no inicio, cítrico, coentro, frutado (pêssegos), amargor de lúpulo, final seco.
Uma cerveja sensacional.

Um comentário:

Rodrigo disse...

Edu,
Acho que a cerveja é tão imponente e difícil de achar que ninguém tem coragem de fazer um comentário! Pois aqui vai o meu:

QUE INVEJA!

Não é a 12 mas continua sendo Westvleteren.
Abraço.