22 junho 2007

Brasil Brau 2007

Ontem terminou a Brasil Brau 2007. A feira foi muito interessante. Apresentou alguns lançamentos e serviu para confirmar a qualidade de outros produtos já conhecidos no mercado.

Não estive presente em outras edições, mas durante o evento ouvi diversos comentários elogiando a edição deste ano. Eu assino em baixo. Parabéns aos organizadores, principalmente a Cilene Saorin, presidente da Cobracem.

Membros da Acerva

Um dos stands mais concorridos foi o da ACervA Carioca. A qualidade das cervejas deles, que já era conhecida por alguns no meio cervejeiro, agora se tornou notória! Mais uma vez tenho o prazer de parabenizá-los!!!

Membros da Bierkeller
No último dia da feira o stand da ACervA recebeu a visita do pessoal da Bierkeller, uma confraria de cervejeiros do Rio Grande do Sul. Trouxeram com eles (via Bob) um barril de 50lts de uma de suas produções. Boa cerveja, com bastante amargor e características de lúpulo (segundo relato deles, o lúpulo é uma paixão da turma, especialmente do Boger!!!).

Monges (irmãos Falcone) da Falke Bier

Outro sucesso do evento foram a apresentações dos monges da Falke Bier. Nos três dias de evento, às 17hs, eles promoviam a degustação da excelente Monasterium. Também foi distribuída durante o evento uma versão menor da cerveja, que não será comercializada.
Monasterium 375ml: exclusividade da Brasil Brau!

Novidade: Colorado em garrafas!

No stand da Cervejaria Colorado foram apresentadas as garrafas, que em breve estarão no mercado. São a três versões do chope da empresa, que dispensam comentários!. No início de maio estive em Ribeirão Preto para conhecer sua fábrica. Veja a matéria no link.

Como publicou o caro Roberto Fonseca ontem, no caderno Paladar de O Estado de São Paulo, a Eisenbahn vai lançar um concurso para cervejeiros caseiros, e o vencedor terá 3000 litros produzidos pela fábrica!

Outros destaques estavam nos stands da Bamberg, com seu chope Bock, e na Cevada Pura. Uma unanimidade: o stand mais bonito da feira foi o da Backer, de Belo Horizonte, que serviu seus quatro estilos de cerveja e três de chope.

Até 2009!!!

Um comentário:

thiagovalenti disse...

Ok Edu, mordi a minha própria língua. Sempre pensei que a Eisenbahn não iria abrir espaço para os cervejeiros caseiros, que não iria fazer cursos ou palestras.

Mas com essa notícia que eles vão abrir um concurso, realmente, meu deu vontade de começar a fabricar os equipamentos pra começar a fazer cerveja agora.