13 novembro 2007

Folia Gastronômica de Paraty

Durante este mês de novembro está acontecendo em Paraty a V Folia Gastronômica, festival que nesta edição tem como tema os produtos orgânicos. São mais de 40 restaurantes, que neste período estarão com pratos criados especialmente para o evento ou receberão chefs de diversos locais do Brasil.


Neste último final de semana eu estive por lá, a convite da Cervejaria Caborê e da organização do evento.

Na sexta-feira, 9, eu e Leonardo Botto apresentamos uma palestra sobre cervejas, na Cervejaria Caborê, para donos de bares e restaurantes e interessados no assunto. O papo fluiu bem, e para finalizar com chave de ouro o agradável clima da palestra fizemos um brinde com chope Caborê e a maravilhosa Falke Monasterium.


Palestra sobre Cervejas Especiais
Já no sábado, 10, comandamos uma degustação dirigida no mesmo local, que além de contar com as cervejas da Caborê, proporcionou aos presentes a possibilidade de provar as premiadas cervejas caseiras do Botto, chope Cevada Pura, e, desta vez para poucos, a Falke Monasterium. Também nesta degustação pude analisar o longo caminho que a cerveja ainda tem que percorrer para se livrar da imagem de "loira estupidamente gelada", e ser reconhecida como a bebida gourmet que é. Alguns chefs e convidados mostraram bastante preconceito com a cerveja, mostrando que a ignorância sobre as qualidades e sensações da bebida ainda predominam para muitos. Mas nós, grandes incentivadores da cultura cervejeira nacional, não desistiremos!

Explanação do sábado, ao lado dos tanques da Caborê

3 comentários:

Ricky disse...

po, cara
houveram retaliacoes quanto a qualidade da cerva como bebida gourmet?
q porcaria.
Na verdade muitas poucas pessoas tem a CORAGEM e o BOM GOSTO de degustar boa cerveja. Eh um preconceito historico brasileiro. Parte disso devido ao nosso clima.
Mas na verdade o pessoal q fica falando so de vinho vai na onda da maioria isso eh normal.
Onde eu passo, tento levar um pouco do conhecimento e alguma amostra pra degustacao e tenho otimas respostas. NADA ESTA PERDIDO.
Parabéns para voces que estao incentivando. Espero que algum dia eu consiga dar participacoes significativas como as suas.
Um grande abraço.

Ricky

Marcio Nel Cimatti disse...

Isso é normal, certamente ainda ouviremos muito a frase “Cerveja boa, é cerveja gelada”. Mas aos poucos as pessoas de bom gosto e bem informadas descobrem a delícia que é degustar cervejas de qualidade.

Um abraço,

feijão disse...

Edu,

Sabes que sou mais um nesta militância pela cultura cervejeira, forte e consistente no Brasil e com certeza, teremos estas "pedras pelo caminho", mas somo Brasileiros e não desistiremos nunca hehehe
Passei por uma situação semelhante agora na festa da empresa no final do ano, para minha grata surpresa, a bebida da festa era o chopp Das Bier, e dai alguns gatos pingados vinham e diziam: - Que chopinho ruim!! é muito forte, amargo, dourado, estranho"
Bela descrição, não? E o pior é que eles tinham questão de vir falar para mim, e dai voltavam alegres e sorridentes com suas garrfas de Brahma ou Skol, falando que agora sim iam tomar cerveja. Nosso trabalho ainda tem muito a caminhar, mas como diria um monge trapiste, só com paciência beneditina chegaremos aonde queremos.