20 abril 2007

Harmonizações Perfeitas : Cantillon Gueuze e Lulas ao molho Vierge

Lambic Beers

As Lambic são cervejas produzidas com fermentação espontânea. Trigo (sem maltar), malte de cevada, lúpulos secos (com 3 anos de idade) e água, após brassagem, são colocados em uma espécie de piscina, onde bactérias que habitam o ar da região provocam a fermentação desta cerveja. Estas bactérias só são encontradas em uma região de 25km², durante o inverno, conhecida como Vale Senna (Bélgica). Este processo dura em média 3 anos.

Elas não são como nada que você já tenha provado antes. Provavelmente você vai odiá-las antes de amá-las!!! Dê a elas esta chance! São ácidas, adstringentes e com pouca carbonatação. Muitos as chamam de vinho de cevada.

Os principais estilos de Lambic são:

- Gueuze: mistura de safras de diversos anos.
- Framboise: com adição de framboesa durante a fermentação;
- Kriek: com adição de cerejas durante a fermentação.

Os produtores mais conhecidos são a Bellevue e a Cantillon.

Cantillon Gueuze 100% Lambic Bio

Desde 1999 a cervejaria Cantillon optou por usar somente ingredientes orgânicos em suas produções. Como o processo de produção demora por volta de 3 anos, somente a safra de 2003 saiu com o selo 100% Lambic Bio. As Cantillon com adição de frutas ainda não são orgânicas, pois não existe no mercado quantidade suficiente de cerejas e framboesas orgânicas.

Harmonização

Como com os vinhos, as harmonizações com cerveja acontecem basicamente de duas maneiras: por similaridade ou por contraste.

Para harmonizar com a Cantillon, que é uma cerveja com alto grau de acidez, escolhi as Lulas ao molho Vierge, que também apresenta acidez. O prato foi preparado como entrada de um jantar, em porções pequenas, permitindo que a acidez resultante do conjunto aguçasse o paladar para o menu subseqüente.

Lulas ao molho Vierge

Ingredientes
8 lulas grandes, limpas, e cortadas em anéis
100grs de tomate italiano concasée
100grs de abobrinha cortada em bastão
50ml de suco de limão
100ml de azeite
5grs de mostarda de Dijon
1gr de sementes de coentro
1gr de manjericão a juliana

PreparoTempere as lulas com sal, pimenta-do-reino e metade do suco de limão. Refogue rapidamente no azeite. Em outra panela ferva brevemente as abobrinhas. Emulsione o azeite, a mostarda e o suco de limão restante. Leve o fogo morno com o tomate, sementes de coentro, manjericão e a abobrinha. Misture as lulas e sirva.

Harmonizações de Cervejas e Gastronomia por Edu Passarelli

3 comentários:

Luis Gustavo disse...

Edu, ótimas atualizações.

Um abraço,
Luis Gustavo.

João Gabriel Margutti Amstalden disse...

Edu, esta é outra cerveja que não estou achando, voce poderia me recomendar alguma outra para fazer a harmonização deste prato?

abraço

Edu Passarelli disse...

Marriage Parfait, da Boon.

Abs